top of page
  • Foto do escritorAudrey Fontana

BIBI FERREIRA, UMA MULHER DE MUITOS TALENTOS


Foto: Fernando Moraes

Você sabe quem foi Bibi Ferreira? Essa atriz, cantora, apresentadora, compositora e diretora foi dona de muitos talentos. Nasceu no Rio de Janeiro, em junho de 1922, em uma família de artistas, filha do ator brasileiro Procópio Ferreira e da bailarina argentina Aída Izquierdo, começou sua carreira muito cedo. Ainda recém-nascida foi levada aos palcos, no colo de sua madrinha, aos 7 anos ingressou na escola de dança do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e ainda criança foi para Londres estudar teatro. Aos 14 anos Bibi fez sua primeira participação em um filme, e aos 19 protagonizou sua primeira peça profissional. No ano seguinte, Bibi Ferreira abriu sua própria companhia de teatro e com isso foi uma das primeiras brasileiras diretoras de teatro.


Nos anos seguintes Bibi seguiu atuando no cinema, dirigindo e atuando no teatro e saiu em turnê pelo Brasil com seus maiores sucessos de bilheteria, em grande caravana de atores, cenários e figurinos. Na década de 60 ela se tornou apresentadora, estreando no programa Brasil 60, onde inaugurou uma nova fase da televisão brasileira, a saída da era de apresentações ao vivo para entrar na era das apresentações gravadas. O programa foi um sucesso e permaneceu no ar por mais alguns anos, e Bibi ainda ganhou um segundo programa, o Bibi Sempre aos Domingos. Ficou afastada por um tempo da televisão, mas voltou em 1968 com o programa musical Bibi ao Vivo, onde cantava e dançava acompanhada de uma orquestra.


Veja a seguir Bibi Ferreira em um trecho do monólogo Veneno, da peça "Gota d'Água", peça escrita por Chico Buarque e Paulo Pontes.


Ainda na década de 60, Bibi estrelou dois grandes musicais no Brasil, My Fair Lady e Alô Dolly!, que já eram um sucesso nos Estados Unidos. Seu desempenho foi tão incrível, que ela foi considerada a primeira atriz de teatro musical brasileiro e por isso ganhou diversos prêmios na época. Na década seguinte estrelou seu terceiro musical, O Homem de La Mancha e dirigiu o musical Brasileiro, Profissão: Esperança.

Bibi Ferreira em "My Fair Lady".

No final da década de 70 até o começo da década de 80, Bibi se afastou dos palcos, retornando em grande estilo em 1983 com o musical Piaf – A Vida de uma Estrela, onde interpretou brilhantemente Edith Piaf faturando diversos prêmios. Nos anos seguintes interpretou Amália Rodrigues, uma cantora portuguesa, em Bibi Vive Amália. Posteriormente, Bibi ficou muitos anos afastada dos palcos e seus últimos trabalhos foram focados em concertos, onde cantou músicas de grandes nomes internacionais, como Edith Piaf e Frank Sinatra. Bibi encerrou sua trajetória, aos 95 anos, em uma turnê nacional do espetáculo Bibi – Por Toda a Minha Vida. Em 2019, aos 96 anos, Bibi Ferreira faleceu em seu apartamento no Rio de Janeiro.

Foto: William Aguiar / Divulgação

Em 2011, foi concebido o Prêmio Bibi Ferreira, em homenagem a grande diva do teatro e do teatro musical brasileiro, que foi Bibi. Hoje o Prêmio é considerado um dos mais importantes dentro do cenário teatral nacional.


Esse texto usou referências de Christine Junqueira, pesquisadora teatral e doutora em teatro pela UNIRIO. Para saber mais acesse o link.


E aí? Gostou de conhecer um pouco mais sobre a trajetória de Bibi? Conte para nós nos comentários.


Sobre mim: Sou uma engenheira que não consegue viver sem arte e encontrou no teatro musical uma maneira mais divertida de encarar a vida e no Projeto Broadway uma segunda casa. Prazer, Audrey.



191 visualizações0 comentário

Comments


001.png
bottom of page